About Us

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.

Aenean vulputate nisl arcu, non consequat risus vulputate sed. Nulla eu sapien condimentum nisi aliquet sodales non et diam. Duis blandit nunc semper rutrum congue. Phasellus sed lacus ut odio vehicula varius. Etiam iaculis feugiat tortor ac ornare.

Stay connected

Blog Post

Entenda o que é outplacement e conheça os seus benefícios
Transição de Carreira

Entenda o que é outplacement e conheça os seus benefícios 

Sabe o que é outplacement? Trata-se de um serviço de recolocação do profissional no mercado de trabalho. Isso ajuda as pessoas que foram desligadas de uma empresa a entrarem em uma nova vaga que se ajuste aos objetivos e às habilidades do indivíduo, além de oferecer aconselhamento de carreira. Na maioria das vezes, a companhia que desliga o funcionário contrata esse serviço de outra empresa especializada nessa função.

Está interessado em saber mais sobre o assunto? Neste post, explicaremos como funciona esse serviço e por que a sua companhia deve investir nessa medida, além de detalharmos a diferença entre outplacement, recolocação e headhunter. Acompanhe a seguir!

Como funciona o outplacement?

Por ser algo novo, muita gente se pergunta: “o que é outplacement?”. Esse processo é dividido em 3 etapas. Abordaremos todas elas detalhadamente a seguir. Continue lendo!

Planejamento

O processo se inicia antes mesmo de o profissional saber que será demitido. Nessa etapa, o departamento de recursos humanos e uma empresa de consultoria especializada planejam as ações a serem desenvolvidas. Ambas as organizações analisam o perfil do funcionário e elaboram um plano capaz de reduzir os efeitos negativos que a demissão pode causar na pessoa.

Desvinculação

O segundo passo faz referência à definição dos argumentos que serão usados para justificar a demissão do funcionário na empresa. Nesse caso, não se deve omitir informações ou faltar com a verdade sobre o real motivo. Nessa etapa, ainda se define quanto tempo levará e como será feito o desligamento.

Após o estabelecimento de todas essas questões, o funcionário saberá da sua demissão, estará informado sobre os benefícios aos quais tem direito e receberá detalhes sobre o processo de transição.

Orientação profissional

Na terceira e última etapa do outplacement, são fornecidas orientações profissionais que visam a ajudar as pessoas a conseguir o novo emprego no menor tempo possível. Várias ações podem ser desenvolvidas com o funcionário nessa fase. Entre elas, estão:

  • a construção ou a reformulação de um currículo para que fique claro, atraente e objetivo;
  • a análise da rede de contatos da pessoa com a intenção de identificar os nomes que podem beneficiar a sua recolocação no mercado de trabalho;
  • a realização de testes visando a identificar os pontos fracos e as habilidades que precisam ser desenvolvidas ou aprimoradas;
  • o estudo da carreira da pessoa com a intenção de ajudar a definir novos rumos, como a abertura de um próprio negócio, a mudança na área de atuação etc.;
  • a busca de empresas que possam combinar com o perfil do profissional demitido e que tenham a possibilidade de absorvê-lo no seu quadro de funcionários.

Qual é a importância de investir em outplacement?

O processo pode parecer trabalhoso, mas proporciona muitos benefícios para as empresas — e muitos deles estão relacionados à melhora de imagem da companhia e à manutenção de um bom relacionamento com os funcionários. Abordaremos, na sequência, os principais benefícios de investir nessa prática. Confira!

Fortalecimento da imagem da empresa

Primeiramente, ao ajudar um trabalhador demitido a buscar recolocação profissional no mercado, a empresa cumpre uma parte relevante do seu papel social. Essa atitude gera uma boa imagem corporativa, tanto internamente (em relação aos funcionários) quanto externamente (diante de fornecedores, parceiros, entre outros).

Além disso, a instituição é vista como um bom lugar para trabalhar. A atitude de ajudar os funcionários desligados evita que estes divulguem informações consideradas confidenciais e falem mal da companhia futuramente.

Manutenção de um bom relacionamento

Outro benefício é a manutenção de um bom relacionamento com os atuais profissionais e os ex-funcionários. Sem dúvida, isso é importante para os negócios, afinal de contas, as pessoas são o grande ativo das empresas. As companhias que contam com profissionais engajados e preparados conseguem se destacar no mercado.

Diminuição dos processos trabalhistas

Devido ao bom relacionamento com os funcionários e a todo o suporte dado a eles (principalmente aos ex-colaboradores), reduzem-se as ações trabalhistas. Esses conflitos na Justiça não são nada agradáveis e geram muitos prejuízos para as empresas. Por isso, vale a pena evitá-los a todo custo.

Humanização do desligamento

Com todo o apoio oferecido pelas consultorias de outplacement, o profissional tende a se sentir acolhido com a maneira como é tratado pela empresa, mesmo tendo sido demitido. Isso pode fazer com que divulgue as qualidades da companhia, o que é muito bom, considerando o mercado cada vez mais competitivo que as organizações enfrentam.

Além disso, essa ação demonstra aos funcionários o real interesse da empresa na carreira e na vida de cada pessoa que faz parte dela. Assim, eles tendem a se sentir mais seguros e motivados para continuar desenvolvendo as suas atividades com excelência e procuram gerar os melhores resultados possíveis — e tudo isso contribui para a melhora do clima organizacional.

Redução dos impactos da demissão

Ninguém gosta de ser demitido e isso pode abalar a pessoa. O profissional começa a ficar com medo do futuro e das consequências desse acontecimento. Isso também pode fazer com que os funcionários que estão na sua companhia fiquem com receio em serem dispensados mais tarde.

O outplacement contribui na diminuição das consequências negativas do processo, pois preserva o colaborador e afeta menos um engajamento da equipe, possibilitando a manutenção dos índices de produtividade da sua empresa.

Qual é a diferença entre recolocação, headhunter e outplacement?

Apesar de terem objetivos semelhantes, a inserção do profissional no mercado de trabalho, esses conceitos têm diferenças entre si. Na recolocação profissional, a própria pessoa contrata uma consultoria para ajudá-lo e orientá-lo, facilitando o processo da busca por uma nova vaga de emprego. Nesse caso, o indivíduo arca totalmente com os custos.

Já o headhunter é conhecido também como caça talentos. Geralmente, esse consultor é contratado pelas empresas com o objetivo de recrutar e selecionar os profissionais mais preparados para exercer determinado cargo.

Por fim, no outplacement, as instituições contratam consultorias visando a diminuir os impactos negativos de uma demissão e ajudar o profissional a conseguir um novo emprego. Nessa situação, a companhia arca com todos os custos e não há nenhum ônus ao trabalhador.

O outplacement, portanto, ajuda os profissionais a terem uma transição de carreira tranquila e ainda auxilia a sua empresa a ter uma imagem positiva no mercado. Sem dúvida, é uma ação que beneficia a todos e por isso vale a pena ser implementada.

Você tem alguma dúvida sobre o que é outplacement? Entre já em contato conosco! Estamos dispostos a ajudá-lo.

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *